Veja 5 Direitos Que O Aposentado Tem Quando Continua Trabalhando

Nos dias atuais, se aposentar e continuar trabalhando não é nada de outro mundo, não é mesmo? Ao contrário do que muita gente pensa, continuar trabalhando proporciona inúmeros benefícios, dos quais dois podem ser citados: corpo e cabeça continuarão ativos.

Muitas pessoas no momento de solicitar a aposentadoria ficam em dúvida quanto aos seus direitos, se irão perdê-los. Mas, na verdade, ao se aposentar, vários direitos estão guardados e não podem ser tirados.

No post a seguir, listamos 5 direitos que causam dúvidas nas pessoas e que são decisivos no momento de solicitar a aposentadoria ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). O INSS é responsável pelo pagamento da Previdência Social.

1 – FGTS

aposentar

Ao se aposentar, o trabalhador tem direito ao saque integral do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

Isso significa que ele direito de tirar todo o valor que está depositado lá. Os saques podem ser realizados em uma agência da Caixa Econômica Federal, que é o banco responsável pelos pagamentos e depósitos desse tipo de poupança.

Para ter acesso ao FGTS é necessário comparecer a uma agência com os seguintes documentos: RG, carteira de trabalho, cartão cidadão ou PIS e o documento de aposentadoria.

Se a pessoa se aposentar e continuar trabalhando, ela poderá realizar os saques mensais das novas parcelas do FGTS. Caso mude de empresa, isso não será mais possível. Será necessário esperar o final do contrato para realizar os saques.

2 – PIS/PASEP

Outro direito que o aposentado tem é sobre o PIS ou PASEP. Para ter acesso ao benefício, o aposentado deve comparecer a agência responsável pelo pagamento.

O PIS é destinado aos funcionários privados e o banco responsável é a Caixa Econômica. O PASEP é destinado aos funcionários de empresas públicas e o banco responsável é o Banco do Brasil.

3 – IPTU

Em algumas cidades do Brasil, aposentados não precisam pagar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). Essa medida é valida para qualquer aposentadoria que ele estiver enquadrado.

São Paulo é uma das cidades que isso é possível. Para conseguir, basta seguir as regras: não possui outro imóvel, usar o imóvel como morada, possuir renda de até 5 salários mínimos e um imóvel no valor de até R$ 1.176,311.

+ Você sabe calcular o FGTS? Se não sabe, clique aqui. 

+ + Empréstimo para Empreendedor Informal – consulte as condições. 

4 – Plano de Saúde

Todas as pessoas que pagaram o plano de saúde por mais de 10 anos tem o direito de manter o convênio até o resto da vida. Caso o prazo de pagamento tenha sido menor, ele poderá manter de acordo com o tempo proporcional.

Vale salientar que essa regra e valida apenas para quem pagou os planos e os planos coparticipativos não estão incluídos.

5 – Direitos Trabalhistas, Previdenciários e da Empresa

Caso a pessoa que solicitou a aposentadoria continue trabalhando, ela terá direito de manter todos os direitos trabalhistas: férias, 13º salário, férias remuneradas, entre outros.

Ela terá direito também aos benefícios da empresa como horas extras, vales alimentação e refeição, etc.

Os direitos previdenciários também devem ser mantidos: salário família para pessoas de baixa renda e a reabilitação profissional (assistência para voltar a trabalhar) são dois exemplos.

Vale salientar que não terá direito ao auxílio doença por já está recebendo aposentadoria.

aposentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *