Se Você Empresta O Cartão De Crédito Confira Alguns Cuidados

Muitas vezes, alguém muito próximo pede o cartão de crédito emprestado para exercer alguma compra, e a seguinte a pergunta vem a cabeça: devo ou não devo emprestar o cartão?

A pergunta é valida para qualquer pessoa que pedir, seja um filho, primo, mãe, pai… e por aí vai. De toda forma, mesmo quando gostamos muito de alguém e esse alguém pede o cartão de crédito emprestado, devemos ter cuidados essenciais.

O fato de termos alguns sentimentos e querermos ajudar alguém, nós leva a tomar decisões erradas. O sentimento de ajuda fala mais alto e dessa forma acabamos nos prejudicando.

Abaixo, vamos mostrar alguns fatos que podem responder essa questão.

Emprestar o cartão de crédito, sim ou não?

cartão de crédito

Essa pergunta não e fácil de ser respondida, afinal de contas alguém pode estar precisando de ajuda e pede o cartão de crédito. Mas será que existe a hora ideal para isso?

● Caso você possa ajudar

É bem provável que existam condições em que ajudar vai além de um cartão de crédito. Você pode ser o fiador ou disponibilizar dinheiro emprestado, mas de forma alguma, as finanças pessoais podem ser comprometidas.

Antes de tomar qualquer decisão, procure saber se a pessoa reúne condições para arcar com o compromisso. Por exemplo: se a pessoa está alugando uma casa e precisa de fiador. Será que ela tem renda compatível com o aluguel. Essas perguntas são importantes.

Outra informação importante é procurar saber quanto a pessoa ganha, pergunte. Isso é valido para qualquer pessoa, seja parente ou não.

É de suma importância saber o tamanho da família da pessoa que está alugando o imóvel. Isso significa que quanto mais integrantes, mais gastos essa família tem.

Outra questionamento é saber se a pessoa que não está querendo algo muito aquém do desejo dela.

Todas essas condições garantem que o compromisso seja honrado e garante segurança.

● Eu tenho condição?

A melhor maneira de saber se você tem condição ou não de ajudar é avaliar um possível atraso ou até mesmo não pagamento. Isso significa que você terá que assumir o compromisso no lugar dela.

Se a pessoa não cumprir com o compromisso, o cartão de crédito é seu e a conta é sua também.

Por isso, é de suma importância que a pessoa que está sendo ajudada possa arcar com o compromisso assumido. Fique de olho nesse ponto.

Confira também:

● Dar e bem melhor que emprestar

Muitas historias levam a crer que dar é bem melhor que emprestar. Mas às vezes não queremos dar, então por que emprestar?

Caso você não queira dar dinheiro e queira apenas emprestar, a pessoa que está recebendo a ajuda pode não honrar com o compromisso e você vai acabar dando mesmo.

Cartão de Crédito é algo pessoal e de extrema confiança

Um cartão de crédito pode ser usado em diversas finalidades. Para fazer a feira, pagar as contas, ser o “capital de giro”, comprar aquele produto tão desejado e muito mais.

Empresta-lo pode se tornar algo perigoso se a relação não for de confiança. Junte todas as informações possíveis e procure está cercado de segurança.

cartão de crédito

 

Atenção: O Consulta Beneficio (www.consultabeneficio.com) não solicita em nenhuma situação quantia em dinheiro para liberação de qualquer tipo de produto financeiro. O Consulta Beneficio (www.consultabeneficio.com) trabalha para manter todas as informações atualizadas, sendo possível consultar essas informações nos sites das instituições/provedores financeiras oficiais.
Observação: Para mais informações sobre o Consulta Beneficio (www.consultabeneficio.com) acesse o disclaimer do site.
Aviso Legal!

O Consulta Beneficio consultabeneficio.com, não solicita em nenhuma situação quantia em dinheiro para liberação de qualquer tipo de produto financeiro. Não temos vínculo com as marcs divulgadas. Não somos instituição financeira. Somos um site de conteúdo informativo. Trabalhamos para manter todas as informações atualizadas sempre que possível. Você pode consultar essas informações nos sites das instituições/provedores financeiras oficiais.

Para mais informações sobre o Consulta Beneficio (consultabeneficio.com/disclaimer) acesse nosso aviso legal em consultabeneficio.com/disclaimer!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima